25 de junho de 2019

Pecuarista triplica produção com assistência técnica e gerencial do Senar


Ascom Senar

A região do Vale do Piancó tem se destacado na produção de bovinocultura leiteira graças ao suporte e assistência técnica e gerencial do Senar Paraíba. O produtor rural Irivanildo Leite Guimarães, por exemplo, é um caso de sucesso da região e conseguiu mais que triplicar a produção com a orientação técnica.

“Tudo isso que conquistei se deve à Assistência Técnica do Senar. Antes eu produzia 40 litros de leite por dia, hoje já estou somando 130 litros. Não só minha produção de leite aumentou, como todo o meu trabalho na propriedade melhorou, desde a plantação de capim até os cuidados com anotações sobre o negócio. Estou fazendo coisas que eu não me atentava antes”, afirmou.

A propriedade de Irivanildo fica no município de São José de Caiana, no Alto Sertão. Todas essas mudanças no sítio Marcela, propriedade dos irmãos Irivanildo e João Guimarães, foram conquistadas com as orientações do Luiz Júnior Guimarães, técnico de campo do Senar que atende o produtor.

“Quando começamos a ver essa questão gerencial, anotar o que o Irivanildo estava produzindo e o que estava gastando, observamos que ele ainda possuía saldo negativo. E hoje, através da Assistência Técnica, para a surpresa do nosso produtor, ele já apresenta um saldo bem positivo na produção de leite, reduzindo os gastos através das nossas técnicas adquiridas e fornecidas e, consequentemente, ampliando o leque de produção”, comentou o técnico de campo.

Hoje, o sítio conta com 14 matrizes, 11 delas em lactação. A ordenha é realizada de forma manual, e os cuidados com o bem estar dos animais fazem parte do dia a dia. Para melhorar ainda mais a produção e a rentabilidade, os próximos investimentos serão em genética com o uso da inseminação artificial, além da troca para ordenha mecânica.

Para o superintendente do Senar Paraíba, Sérgio Martins, o sucesso depende, acima de tudo, do comprometimento do produtor em seguir as instruções corretas repassadas na assistência técnica.

“Começamos a trabalhar a partir da realidade do produtor, e assim mudar a mentalidade do homem do campo na região. Eles desenvolvem uma visão de negócio mais aprimorada, gerando rentabilidade com a sua produção.” Comentou.

Os resultados obtidos no Vale do Piancó estão atraindo cada vez mais produtores de leite, todos em busca de mudanças, na produção, na renda, e na qualidade de vida.

Assessoria de Comunicação Sistema Faepa/Senar-PB
(83) 3048-6050
facebook.com/faepasenarpb
senarpb.com.br