5 de março de 2015

Rede e-TEC incentiva graduados a investir carreira no Agro


Ascom Senar-PB


Juliana Araújo está ansiosa para atuar na nova profissão

D
De acordo com o Ministério da Agricultura, a agropecuária foi a atividade que mais cresceu nos últimos dez anos. Com a intenção de oferecer oportunidade aos que querem mudar de área, investir em um novo curso ou se recolocar no mercado de trabalho, o Senar Paraíba passou a ofertar o curso Técnico em Agronegócio pela Rede e-TEC Brasil Senar. Ao total, 103 estudantes foram selecionados para o curso com duração de dois anos e realizado em formato à distância.
Segundo o presidente do Sindicato dos Produtores Rurais de Alagoa Grande, polo da Rede e-TEC na Paraíba, o curso é uma grande oportunidade de crescimento e renovação do setor agropecuário brasileiro. “Foi bastante expressivo o entusiasmo e a euforia dos alunos na aula inaugural, de acordo com o próprio retorno dado pelos alunos. Faço minhas as palavras de Cora Carolina, feliz daqueles que transferem o que sabem e aprendem o que ensina”, disse em tom de entusiasmo.
A maioria dos alunos matriculados já possuem uma graduação, mas investir em uma nova área ou complementar a formação com grade curricular voltada à teoria, são os principais motivos de investir no Técnico em Agronegócio, como é o caso do aluno do polo de Alagoa Grande, Braz Reinaldo de Melo. “Já fiz treinamentos no Senar-PB e estou sempre acompanhando o site da instituição, sou graduado em Gestão Pública e estou cursando Ciências Agrárias. O curso técnico vai me proporcionar mais prática no campo, vou unir isso à teoria, mesmo morando há 200 km de Alagoa Grande, resolvi vir assistir aula e apostar neste novo conhecimento”, disse.
Para a aluna Luanna de Fátima Santos, de 24 anos, a plataforma vai ajudá-la a entrar no mercado de trabalho. “Quero investir no Agronegócio porque meus pais são produtores rurais e pretendo dar segmento ao negócio da família”, falou. Segundo ela, o curso é também uma oportunidade para quem não tem muita renda, já que é totalmente gratuito. “Ele surgiu na hora certa, era o que eu queria exatamente. Quero atuar no campo, ter o contato com o agricultor”, revelou Luanna.
Quem também pretende um emprego no setor é a estudante Juliana Araújo, do polo de João Pessoa. Ela mora em um sítio em Puxinanã, município a 123 km da capital da Paraíba e está cursando Agroecologia. Aos 23 anos, ela já sabe o que pode mudar a realidade de um jovem. “Estou muito feliz em participar da turma pioneira porque é um curso oferecido por uma instituição reconhecida como o Senar e vai me possibilitar novos conhecimentos. Estudar na modalidade ead é uma saída para quem quer ter um conhecimento profissional e não tem como se deslocar para outras cidades todos os dias, como eu”, disse.
Mas não só os graduandos que procuraram se capacitar através do Curso técnico da Rede e-TEC. Em busca de maiores oportunidades para oferecer melhor atendimento aos produtores rurais, Fernando Magno, agente de desenvolvimento do Banco do Nordeste (BNB), viajou 360 km para assistir aula no polo de Alagoa Grande. “Resolvi investir na área em que atuo para aprimorar o meu trabalho em campo no setor. Soube da oportunidade através do BNB e não hesitei em participar quando soube que era um órgão de reconhecimento que estava promovendo, como o Senar-PB”, contou.


Adam West, é formado em Adminsitração mas se interessou pelo Agro por herança familiar. “O interesse em trabalhar com o setor foi despertado no ano passado através um projeto que criei para minha propriedade sobre a pecuária leiteira. Eu vi que o curso é bem voltado para a área técnica e agropecuária, então tomei a decisão de sair do meu antigo emprego para me dedicar ao Agro. É um curso bem específico e inovador, pois não existia este tipo de formação aqui. Eu acho que é interessante para todos os alunos, tem muito conteúdo que não existe nos superiores. Essa plataforma é muito proveitosa e se fosse presencial eu não conseguiria fazer, para mim está sendo perfeito”, concluiu.
Assessoria de Comunicação Sistema Faepa/Senar-PB
(83) 3048-6073/6050
facebook.com/faepasenarpb
imprensa@senarpb.com.br