16 de novembro de 2017

Senar apresenta resultados da segunda fase do ABC Cerrado


Ascom Senar

bancoMundial_web

Projeto ensina tecnologias de baixa emissão de carbono no Cerrado

Brasília-DF, (16/11/17) – O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR) recebeu o novo gerente do Projeto ABC Cerrado no Banco Mundial, Maurízio Guadagni, na terça (14) para mostrar os resultados obtidos com o projeto.

O coordenador do ABC Cerrado no SENAR, Mateus Tavares, apresentou as formas de atuação do SENAR no Brasil e fez um panorama das tecnologias de baixa emissão de carbono: Recuperação de Pastagens Degradadas, Integração Lavoura-Pecuária-Floresta, Florestas Plantadas e Sistema Plantio Direto.

“A maior procura é pela capacitação em Recuperação de Pastagens Degradadas com 83% da demanda, seguida da Integração Lavoura-Pecuária-Floresta com 11% do interesse dos produtores do bioma Cerrado”, explicou Tavares.

“Mais de 1.600 propriedades rurais de Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul e Tocantins recebem a Assistência Técnica e Gerencial (ATeG) do SENAR no projeto”, acrescentou Tavares.

bancoMundial1_web

“Estamos satisfeitos com os resultados que conseguimos alcançar até o momento”, destacou Janei Resende, coordenadora de Projetos e Programas Especiais da Diretoria de Educação Profissional e Promoção Social (DEPPS) do SENAR.

A Diretora de Educação Profissional e Promoção Social do SENAR, Andrea Barbosa, explicou ao gerente do Banco Mundial que os Sindicatos Rurais são os principais parceiros do SENAR para a execução das ações nos estados.

“Eles conhecem as propriedades e as particularidades de cada local. Isso ajuda o SENAR a chegar aos produtores para oferecer as capacitações”, afirmou Andrea.

Ela explicou ao gerente do Banco Mundial é que a ideia é que o produtor participe das capacitações do ABC Cerrado, receba ATeG por um determinado período e, posteriormente, desenvolva as atividades agropecuárias com o conhecimento adquirido com o SENAR.

Maurízio Guadagni afirmou que a proposta do projeto “é muito interessante”. “Vamos fazer tudo o que for possível para ampliá-lo e levar tecnologias para outras áreas”, destacou.

Saída a campo – No domingo (19), Guadagni segue em missão ao Mato Grosso do Sul junto com equipes do SENAR, do Ministério da Agricultura e da Embrapa para conhecer os resultados em campo.  Serão visitadas propriedades atendidas pelo Projeto ABC Cerrado e recebem a ATeG do SENAR há um ano.

As inscrições para as capacitações do Projeto ABC Cerrado continuam abertas e serão mais de 2.000 vagas em 2018.

Para informações sobre os pré-requisitos e efetivar a inscrição, acesse: http://www.senar.org.br/pre-inscricao-do-processo-de-mobilizacao

 

Assessoria de Comunicação do Sistema CNA/SENAR
Fotos: Wenderson Araújo
Telefone: (61) 2109 1419
cnabrasil.org.br
senar.org.br
twitter.com/SistemaCNA
facebook.com/SistemaCNA
instagram.com/SistemaCNA
twitter.com/SENARBrasil
facebook.com/SENARBrasil