15 de setembro de 2014

Senar-PB realiza distribuição de mudas no Dia da árvore


Ascom Senar-PB

Neste domingo (21), o Sistema Faepa/Senar-PB em parceria com o Sistema Correio realiza mais uma edição do Programa Campo Sustentável (Procampos), com distribuição de mudas de árvores nativas para população paraibana. Para comemorar o Dia da árvore, será montado um posto de distribuição no Busto de Tamandaré e realizada uma oficina que ensinará como as pessoas podem plantar suas mudas. O evento acontecerá das 6h às 9h.
Este ano, é a primeira vez que o Sistema Faepa/Senar-PB se une a um veículo de comunicação para ampliar a consciência socioambiental dos paraibanos. Na ocasião, serão distribuídas cerca de 1000 mudas. A intenção do Programa é disseminar a responsabilidade de preservação do meio ambiente. Para Sérgio Martins, superintendente do Senar-PB, a ação propõe mostrar que o setor agropecuário está diretamente ligado a práticas educativas. “Como representantes do setor rural possuímos a responsabilidade de incentivar este tipo de ação voltada para a preocupação com a degradação ambiental. É muito importante firmarmos parcerias que acrescentam responsabilidades para as entidades privadas, a imprensa e a população, e esta é uma delas com o Sistema Correio”, falou.
O Programa Campo Sustentável propõe o desenvolvimento econômico aliado à sustentabilidade e preservação do meio ambiente e engloba ações de conscientização como palestras educativas, treinamentos, cursos e ações práticas como plantio e distribuição de mudas e apoio a programas e projetos do setor rural voltados a preservação do meio ambiente ao longo do ano.
O Sistema Faepa/Senar-PB vem desenvolvendo desde 2011 diversas ações voltadas à preservação do meio ambiente e o Procampos surgiu da necessidade de reunir estas ações para melhor planejamento e acompanhamento dos resultados. Ainda de acordo com o superintendente, a intenção é que o evento faça parte do calendário de atividades de João Pessoa. “Nosso objetivo é tornar a ação comemorativa do Dia da Árvore permanente e a cada ano, distribuir um número maior de mudas, ajudando a construir um futuro mais verde”, completou.
Assessoria de Comunicação Social Faepa/Senar-PB