25 de maio de 2015

Útero é Vida promove mutirão


Ascom Senar-PB

Com a intenção de prevenir e diagnosticar o câncer de colo de útero em mulheres da zona rural, o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural da Paraíba (Senar-PB), promove mais uma edição do Programa Útero é Vida. A primeira cidade a receber o mutirão para realização dos exames será Nazarezinho, no dia 30 de maio. O município localizado no Sertão paraibano possui cerca de oito mil habitantes.

A intenção do mutirão é realizar o exame Papanicolau para prevenir e ajudar a diagnosticar além do câncer de colo do útero, os câncer de ovário e endométrio. A ação em prol da proteção da saúde rural atenderá 150 mulheres da zona rural da cidade.

No dia, além dos exames, as mulheres assistem a palestras educativas e têm acesso ao espaço beleza, onde podem fazer cortes de cabelo, escovas e manicures. Ao mesmo tempo em que acontecem as atividades para as mulheres, as crianças desfrutam da Rua do Lazer, espaço de recreação e atividades infantis. Assim, enquanto as mães realizam os exames, assistem às palestras e cuidam da beleza, as crianças ficam envolvidas em diversas atividades de lazer.

Segundo a gestora do Útero é Vida do Senar Paraíba, Véra Figueirêdo, o programa social da instituição vem atender mulheres que não possuem o devido conhecimento e a importância da prevenção da doença. “Através do Programa queremos levar informação à mulher do meio rural que muitas vezes não tem tanto acesso à educação e saúde, nas comunidades onde vivem. Nossa intenção é despertar para que a partir deste mutirão elas possam ter consciência do quanto é importante se cuidar”, disse.

A ação em Nazarezinho será realizada em parceria com a Prefeitura Municipal da cidade e com o Sistema Único de Saúde (SUS), que divulgará os resultados dos exames à comunidade atendida em aproximadamente 90 dias, através do Posto de Saúde da Família (PSF).

De acordo com o superintendente do Senar Paraíba, Sérgio Martins, a meta de 2015 é atender mais de 600 mulheres. “Por mais um ano estamos realizando este Programa para beneficiar municípios localizados tanto no litoral do estado quanto no sertão. Queremos ajudar a população feminina rural a reduzir os números de câncer de colo de útero e outras doenças no estado. Para o Senar-PB, promover a apoiar uma ação deste tipo é zelar pelo produtor rural e sua família e também é este o nosso papel”, falou o superintendente.

Programa Útero é Vida luta pela redução de casos da doença

Segundo dados do Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA), o câncer de colo de útero é o terceiro tumor mais frequente na população feminina, atrás do câncer de mama e do colo retal, e a quarta causa de morte de mulheres no Brasil. Prova de que o país avançou na sua capacidade de realizar diagnóstico precoce é que na década de 1990, 70% dos casos diagnosticados eram da doença invasiva, ou seja: o estágio mais agressivo da doença.

Atualmente 44% dos casos são de lesão precursora do câncer. Ainda segundo o INCA, o câncer do colo de útero é o segundo mais incidente do Nordeste, atingindo mais de 19 mil pessoas em um montante de 100 mil.

Além de Nazarezinho, outras três cidades paraibanas vão receber ainda este ano o mutirão para realização dos exames, como Cacimba de Dentro, Alagoa Grande e Alhandra. As ações serão realizadas pelo Senar-PB em parceria com os Sindicatos dos Produtores Rurais destas cidades e as Prefeituras Municipais.

Assessoria de Comunicação Sistema Faepa/Senar-PB
(83) 3048-6073/6050
facebook.com/faepasenarpb
imprensa@senarpb.com.br