18 de dezembro de 2017

Alunos do curso Técnico em Agronegócio defendem trabalhos finais


Ascom Senar

IMG_20171209_123449801

Trinta e sete alunos concluintes do curso Técnico em Agronegócio dos polos de Campina Grande e Alagoa Grande defenderam seus trabalhos. Foram 20 estudantes do polo Campina Grande e outros 17 em Alagoa Grande. Essa fase é uma exigência para conclusão do curso e foi realizada entre os dias 8 e 9 de dezembro.

Uma das pesquisas desenvolvida buscou analisar a viabilidade econômica de produção leiteira em uma propriedade de Queimadas. Renato Lima Ramos, do polo de Campina Grande, fez o trabalho na propriedade da família. A partir dos conhecimentos adquiridos, ele pode mensurar os custos de produção como a receita e estipular problemas e soluções.

renato (1)

“O curso me ajudou a ver a propriedade mais ampla, considerando que eu posso melhorar e otimizar minha propriedade, quais modificações eu poderia fazer, e quais os gargalos eu poderia encontrar. A partir disso eu pude identificar quais problemas meu pai tem na propriedade e também propor soluções para que esses problemas fossem minimizados e extintos”, explicou Renato.

Os alunos desenvolvem um relatório final e defendem seus trabalhos no formato de banner. Tudo é avaliado por uma banca composta por três avaliadores, um tutor orientador, um tutor convidado e um membro da coordenação, que fazem a análise dos trabalhos.

São levados em conta critérios como: relevância do tema dentro da área do agronegócio, além da coerência entre objetivo, a metodologia e a conclusão, ou ainda a adequação às normas para apresentação e entrega do Projeto Final, por exemplo.uanderson (1)

Em Alagoa Grande, Uanderson Alves estudou a utilização de drones na fruticultura paraibana. Ele articulou o empreendedorismo aos conhecimentos em gestão que o curso técnico lhe ofereceram.

“Juntei meu repertório da universidade de Agronomia com a parte gerencial do curso técnico e produzi um trabalho com informações que o produtor pode utilizar na tomada de decisão do seu empreendimento, buscando a melhor forma de fazer o gerenciamento” afirma ele.

Segundo a coordenadora regional da Rede e-Tec Brasil na Paraíba, Poliana Queiroz, a conclusão da fase dos trabalhos finais é de extrema importância para a formação dos alunos. “É com a aplicação dos conhecimentos adquiridos ao longo do curso Técnico em Agronegócio que os alunos unem suas habilidades para realizar o projeto e valorizar as propriedades no meio rural”, explicou ela.

Assessoria de Comunicação Sistema Faepa/Senar-PB
(83) 3048-6050 / (83) 3048-6073
facebook.com/faepasenarpb
senarpb.com.br