28 de Fevereiro de 2018

SENAR vai atender 30 novos produtores com Assistência Técnica e Gerencial


Ascom Senar

Trinta novos produtores de abacaxi serão atendidos pela Assistência Técnica e Gerencial (ATeG) do SENAR. O grupo é formado por agricultores dos municípios de Mamanguape, Araçagi e Itapororoca, no Litoral Norte paraibano. Na última terça-feira (27), o assessor de projetos e convênios, Pablo Araújo, visitou a região para apresentar o programa.

“Dentro do nosso programa de Assistência Técnica e Gerencial, os produtores têm que fazer todo o controle de custos, de gastos e isso dá um certo trabalho, mas é recompensador. Se ele não faz o controle, ele não sabe onde está o erro na gestão da propriedade e não pode repará-lo”, comentou Pablo.

O grupo de produtores será atendido pelo técnico de campo do SENAR, Gilson Filho, por um período de 2 anos. A Metodologia de Assistência Técnica e Gerencial está fundamentada em cinco etapas, que envolvem todo o processo a ser aplicado no desenvolvimento da propriedade rural atendida: 1) Diagnóstico produtivo individualizado; 2) Planejamento estratégico; 3) Adequação tecnológica; 4) Capacitação profissional complementar e 5) Avaliação sistemática de resultados.

“Estou ansioso para aprender e agregar mais valor a minha pequena produção. A minha maior expectativa é aprender a utilizar as ferramentas de maneira correta, porque o modo como você produz é muito importante”, comentou o produtor Cardoso da Silva, de Itapororoca, que será um dos atendidos.

A primeira turma de Assitência Técnica e Gerencial foi concluída no ano passado, também em Mamanguape na cadeia fruticultura, com coco, abacaxi e outras frutas. Além desse grupo, o SENAR também tem turmar de bovinocultura de leite, em Itaporanga (Sertão) e na cadeia da avicultura caipira, na região de Soledade (Cariri).

Assessoria de Comunicação Sistema Faepa/Senar-PB
(83) 3048-6050 / (83) 3048-6073
facebook.com/faepasenarpb
senarpb.com.br