10 de julho de 2015

Senar Paraíba abre edital de credenciamento para Assistência Técnica


Ascom Senar-PB

ATER-mais-leite

Modelo da ATER implantado em Mato Grosso do Sul

Com a intenção de contribuir ainda mais com a multiplicação do conhecimento aos pequenos, médios e grandes produtores rurais, o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural da Paraíba (Senar-PB), abre edital para credenciamento de pessoas jurídicas e microempreendedores individuais, para integrar o cadastro de prestadores de serviços do Senar-PB, no desenvolvimento de ações de Assistência Técnica e Gerencial.

A Assistência Técnica e Extensão Rural (ATER) faz parte do novo Departamento criado na regional e tem como meta capacitar não só na produção, como também no empreendedorismo e na gestão do negócio dos produtores e trabalhadores rurais paraibanos, com a intenção final de elevar a renda e a produtividade da região. A cadeia produtiva a ser trabalhada inicialmente será a bovinocultura leiteira nos polos de Alagoa Grande e Catolé do Rocha.

Ao longo de dois anos, o programa tem como meta realizar 50 cursos e treinamentos de Formação Profissional Rural (FPR) e ou Promoção Social (PS), voltados para a cadeia produtiva do leite para os produtores e familiares que estiverem inscritos. Em um ano, a ATER pretende atender 300 produtores no estado.

Para Gabriel Petelinkar, chefe do Departamento de Assistência Técnica e Extensão Rural (Dater), o novo trabalho do Senar Paraíba vai acabar com a “lacuna” que existe na atividade depois que os produtores recebem formação profissional. “Não adianta só capacitar, é preciso dar continuidade e é isso que o Departamento vai oferecer”, falou. De acordo com Gabriel, nesse inicio, serão atendidos 30 produtores, sendo 15 em cada município.

As ações e treinamentos do Senar são, na maioria das vezes, oferecidos em parceria com os Sindicatos de produtores rurais, que por sua vez serão responsáveis pela divulgação do projeto. Os produtores e trabalhadores rurais interessados em participar dessa assistência deverão procurar o Sindicato da sua região para realizar a inscrição. A partir daí, os participantes serão cadastrados e passarão por um processo de triagem. “Muitos produtores entram nos programas por empolgação e no fim acabam se afastando, por isso será feita uma seleção para que possamos atender realmente pessoas comprometidas”, contou Gabriel Petelinkar.

Segundo o presidente do Sistema Faepa/Senar-PB, Mário Borba, a chegada da Assistência Técnica vai elevar o nível dos produtores rurais paraibanos. “Em poucos anos teremos grandes resultados nas cadeias produtivas do estado, principalmente o leite. E como o projeto já está acontecendo em vários estados, o Brasil vai despontar no agronegócio”, revelou.

As empresas interessadas em fazer parte do corpo de técnicos de campo disseminadores da metodologia do ATER no Senar, podem baixar o edital e se inscrever através do site da instituição www.senarpb.com.br/credenciamento/

Saiba mais sobre o Microempreendedor individual: www.portaldoempreendedor.gov.br

Assessoria de Comunicação Sistema Faepa/Senar-PB
(83) 3048-6073/6050
facebook.com/faepasenarpb
imprensa@senarpb.com.br