14 de novembro de 2014

Senar-PB realiza visita técnica para comissão do Tocantins


Ascom Senar-PB

O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural da Paraíba (Senar-PB), realiza visita técnica para uma comissão do Senar-TO com o objetivo de apresentar o Programa Sertão Empreendedor no estado. A programação teve início na quarta-feira (12) e segue até hoje (14), à tarde. Durante a visita, os produtores, técnicos e gestores do Senar-TO e analistas do Sebrae-TO, conheceram as tecnologias que estão sendo implantadas na Paraíba com o Programa.
No primeiro dia, a comissão foi recebida pelo presidente da Federação da Agricultura e Pecuária da Paraíba (Faepa/PB), Mário Borba. Na sede em João Pessoa, Borba apresentou o Sertão Empreendedor, sua metodologia, a capacidade de mudança que o Programa vem despertando nos produtores rurais paraibanos e como ele vem sendo executado na Paraíba. Segundo o presidente, em apenas um ano o Senar-PB acumula resultados positivos para os que fizeram adesão ao Sertão Empreendedor. “É um Programa em que tenho dado toda minha dedicação, porque somos o projeto piloto e não podemos falhar, temos que ter uma integração com os nossos Sindicatos em prol do bem da região e de nossos produtores rurais. A intenção é que este Programa sirva de multiplicador no estado”, disse o presidente.
A comissão visitou ainda a Empresa Estadual de Pesquisa Agropecuária da Paraíba (Emepa), para conhecer as tecnologias e inovações que o estado vem desenvolvendo para o semiárido. Segundo um dos produtores do Tocantins, Ailson Pereira, conhecer o bloco nutricional como alternativa de alimentação animal elaborado pela Emepa, foi um excelente aprendizado. “Nunca vimos isto no Tocantins, foi muito importante conhecer a cadeia da caprinocultura e uma maneira de fazer com que os animais se alimentem mesmo no semiárido”, revelou. Ele ainda contou que a maior expectativa na visita é ver a construção e funcionamento de uma barragem subterrânea para levar a ideia para sua região.
O grupo teve a oportunidade de conhecer ainda o plantio de palma na Estação Experimental da Emepa, estratégia de baixo custo aplicada no estado e que faz parte das premissas do Sertão Empreendedor. Resistente à falta de chuvas, a planta armazena uma grande quantidade de água e possui fácil digestão, o que proporciona alternativa ao produtor para alimentar os seus animais principalmente no período da estiagem.
De acordo com o coordenador técnico Nacional do Programa, Joaci de Medeiros, o Senar Tocantins pode ter como exemplo e base o Programa na Paraíba. “Sabemos que não é fácil operacionalizar um Programa deste porte, mas é importante ter o contato direto com o produtor e seguir unidos trocando informação e discutindo maneiras de ampliar e melhorar o programa”, revelou.
Assessoria de Comunicação Social Senar-PB
(83) 3048-6050 / 6073