18 de abril de 2013

SENAR-PB participa de capacitação do Programa Leite Legal


Ascom Senar-PB

O SENAR-PB participou da capacitação que reuniu gestores e multiplicadores do Programa Leite Legal de todo o Brasil nos dias 25 e 26 de março de 2013, na sede do Sistema CNA/SENAR, em Brasília.
O assessor da presidência do Sistema FAEPA/SENAR-PB, Domingos de Lélis Filho, representou a instituição e participou da capacitação. Segundo ele, o SENAR, em parceria com o Sebrae, pretende criar possibilidades, por meio de ações de Formação Profissional Rural, para que os pequenos e médios produtores garantam leite de qualidade, atendendo aos padrões exigidos pela legislação, contribuindo para o desenvolvimento do setor. “Na Paraíba, pretende-se atender inicialmente 30 turmas com 15 produtores cada em dois anos de programa”, afirma.
Lélis explica que o programa inicialmente é composto por duas fases. Na primeira, será feito um levantamento da qualidade do leite através das análises de Contagem de Celular Somática (CCS) e Contagem Bacteriana Total (CBT). Na segunda fase, o produtor fará uma capacitação de 16 horas com o foco na Instrução Normativa 62 (IN 62). “O programa pretende ensinar corretamente aos produtores a forma correta de higiene animal, do controle da mastite e medicamentos aplicados nos animais, da refrigeração e transporte do produto e na sua análise”, explica o assessor.
A etapa seguinte do programa consiste em capacitar os instrutores das regionais do SENAR para que estes possam começar as visitas às propriedades produtoras de leite. “Haverá uma visita técnica de 4 horas na propriedade participante, onde o produtor de leite receberá orientações para melhorar a produção e atingir a meta proposta pela legislação. Depois serão feitas análises de CCS e CBT durante três meses. O que se espera é que a quantidade de CCS e CBT presentes no leite tenha diminuído e alcançado os padrões da IN 62, mas se isso não tiver ocorrido, a propriedade receberá uma segunda visita e será monitorada novamente”, informa Lélis.
O superintende do SENAR-PB, Sérgio Martins, está confiante nos benefícios que o programa trará o estado. “O produtor paraibano atenderá as exigências do mercado e da legislação com condições de administrar melhor as perdas provenientes da queda de produção em função de doenças e falta de sanidade animal. Já os laticínios terão melhores resultados e os consumidores terão mais qualidade na mesa”, concluiu.
Sobre o Programa
O Leite Legal – Programa Produção de Leite de Qualidade é uma parceria do SENAR e do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas – Sebrae Nacional e vai capacitar produtores rurais com foco na produção do leite dentro dos novos parâmetros para CBT e CCS estabelecidos pela Instrução Normativa nº 62/2011 – que define novos padrões de qualidade para o leite. Num período de dois anos, o SENAR capacitará 81 mil propriedades por meio de treinamento teórico com carga horária de 16 horas/aula e visitas técnicas, formando em todo Brasil 5,4 mil turmas.

Conheça melhor o Programa Leite Legal 

Assessoria de Comunicação Social SENAR-PB
(83) 3048 6073/9988 6475