2 de julho de 2012

Governo vai favorecer agricultores com práticas sustentáveis


Ascom Senar-PB

A presidente Dilma Rousseff disse na manhã desta segunda-feira (2), durante seu programa de rádio “Café com a presidenta”, que o plano de investimento de R$ 115 bilhões na safra 2012/2013 anunciado neste sábado vai beneficiar agricultores com práticas sustentáveis. A medida também dobra o valor de cobertura dos seguros dos médios produtores para até R$ 300 mil por safra.
O chamado plano agrícola e pecuário 2012/2013 vai disponibilizar crédito de R$ 115,2 bilhões aos produtores rurais e cooperativas e baratear as linhas de crédito, segundo a presidente.
“Para os médios produtores, que são aqueles com renda até R$ 800 mil por ano, nós aumentamos o crédito que eles terão para o custeio da produção.
Além disso, os juros para esses empréstimos caíram para 5% ao ano”, explica a presidente.
O benefício aos agricultores sustentáveis também chega na forma de juros menores. “Se o produtor investir, por exemplo, na integração lavoura/pecuária, ou no plantio direto sobre a palha, ou mesmo na recuperação de áreas degradadas, que existem milhares de hectares no Brasil, os empréstimos vão ter juros ainda menores”, afirma Dilma.
Seguro
Segundo a presidente, o valor de cobertura dos seguros para os médios produtores dobrou para até R$ 300 mil por safra. Para Dilma, a mudança é justificada pelos riscos a agricultura, como “uma seca prolongada, chuvas em excesso ou uma geada forte demais”, cita ela.
“Assim, ele pode aumentar a produção, melhorar a sua renda e, ao mesmo tempo, movimentar a nossa indústria”, afirma Dilma.
Fonte: G1