23 de setembro de 2021

Produtor de cachaça atendido pela ATeG aprova trabalho do Senar


Wesley Andrade

A Paraíba atualmente é uma das maiores produtoras de cachaça do país, e neste ano o município de Areia se destacou no cenário nacional, galgando posições, e recebendo o título de Capital Paraibana da Cachaça através da Lei nº 11.873, de 19 de abril de 2021. 

Mata Limpa é um distrito de Areia-PB, nesta cidade está localizada a cachaçaria Elite da Serra, fundada pelo produtor José Teixeira em meados de 2013. No qual já possuía uma  ligação antepassada com o agronegócio, pois os bisavós e avós paternos, foram pioneiros na religião na produção de cachaça engarrafada, como por exemplo a  cachaça fio de ouro e galão da Borborema.

Segundo o Técnico do Senar, Adauto Júnior a propriedade antes da chegada da Assistência Técnica e Gerencial (ATeG), possuía pouca matéria própria, ou seja, 90% era comprada de outros produtores,  nesse sentido o foco principal foi iniciar a produção da matéria própria no engenho. 

Além disso, atualmente o engenho dispõe de 18 hectares de terra cultivados, porém para o Técnico. “Ainda há muito a ser feito, pois 18ha ainda é pouco levando em consideração o tamanho da propriedade, o nosso trabalho é fazer esse número crescer cada vez mais”, comentou. 

No dia (13) de setembro foi comemorado o Dia Nacional da Cachaça, essa famosa bebida surgiu entre os anos de 1516 e 1532 no litoral do Brasil, de acordo com o Instituto Brasileiro da Cachaça (IBRAC).

Ainda segundo o Técnico Adauto Júnior, os resultados irão ser recolhidos ainda esse ano, contudo é esperado resultados bastante positivos, e em relação a produção da matéria prima o aguardado é 70 toneladas por hectare.   

Para o gerente da cachaça Serra Limpa, Diego Cunha Baracho. “Hoje a cachaça Paraibana é uma referência em qualidade em todo Brasil, e vem refletindo e geração de renda para famílias do nosso Estado, pois é uma cadeia que está envolvida no processo de produção, que envolve várias etapas como: plantação da cana, colheita, destilação, industrialização e vendas. Além do forte vínculo com o turismo, sendo assim esse conjunto de fatores faz da cachaça uma das principais formas de geração de renda e emprego do nosso Estado”, ressaltou. 

Assessoria de Comunicação Sistema Faepa/Senar-PB
(83) 3048-6050 / (83) 3048-6073
facebook.com/faepasenarpb
instagram.com/faepasenarpb
twitter.com/faepasenarpb
youtube.com/faepasenarpb
senarpb.com.br