29 de setembro de 2016

SENAR debate atividades de promoção social em encontro nacional


Ascom Senar

Evento reúne técnicos de 25 Administrações Regionais durante dois dias esta semana

Repensar as atividades de promoção social desenvolvidas pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR) é o foco do Encontro Promoção Social para Saúde Preventiva que a entidade realiza nesta quinta (29) e sexta-feira (30), com a presença de técnicos de 25 Administrações Regionais. O evento conta com palestras de especialistas na área da saúde, apresentação de experiências relacionadas às atividades de saúde vivenciadas pelas Regionais, além dos resultados de uma pesquisa nacional promovida pelo SENAR sobre os temas prioritários na área da saúde.

“Esse encontro é para revelarmos os resultados da pesquisa e sabermos o que as Regionais querem saber sobre saúde e quais os materiais elas querem receber. Iremos convidá-las a repensar as atividades de promoção social, como por exemplo, as ações que o SENAR faz realmente proporcionam a melhoria da qualidade de vida no campo? Estamos fazendo com que as pessoas se conscientizem do seu poder individual, do seu autocuidado? Além disso, trocaremos experiências com intuito de auxiliar as Regionais que precisam reformular suas ações de promoção social”, explica a coordenadora de Programas e Projetos na Área de Saúde Rural do Departamento de Formação Profissional e Promoção Social (DEPPS), Deimiluce Lopes F. Coaracy.

A promoção social é um conjunto de atividades com enfoque educativo, que possibilita ao trabalhador, produtor rural e às suas famílias a aquisição de conhecimento, desenvolvimento de habilidades pessoais e sociais e mudanças de atitudes, favorecendo, assim, uma melhor qualidade de vida e participação na comunidade rural.  O SENAR desenvolve atividades em sete grandes áreas que são: alimentação e nutrição; apoio às comunidades rurais; artesanato; cultura; educação; esporte e lazer; e saúde.

Segundo a coordenadora, é importante destacar que o SENAR faz um trabalho social de levar as políticas públicas às comunidades rurais que precisam de atendimento e que sua atuação não é na parte curativa, mas de prevenção. “Nosso papel é prevenir. Por isso fechamos parcerias para realização de exames, palestras. Por exemplo, antes do exame é necessária uma palestra para que a pessoa tenha consciência do porque está fazendo aquele exame e quais são as consequências dela não fazê-lo. As pessoas não precisam ficar doentes para falar de saúde. Por isso as nossas ações de promoção social precisam pensar na melhoria da qualidade de vida dessas pessoas, na urgência social delas”, afirma.

A procura pelos eventos de promoção social na área de saúde do SENAR tem crescido cada vez mais, principalmente com a participação masculina, observa Deimiluce. “Esse ano nos surpreendemos com o volume de homens que participaram das atividades como palestras e exames. Eles buscaram conhecimento e estão tomando consciência do que podem fazer individualmente pela saúde deles.”

Representantes do Senar-PB no evento

Representantes do Senar-PB no evento

Sobre a pesquisa de temas prioritários que será apresentada aos técnicos das Administrações Regionais no encontro, Deimiluce cita alguns pontos importantes. “O resultado da pesquisa apontou quais foram os temas de maior necessidade de se desenvolver estratégias educativas em relação à saúde. Para a  saúde da Mulher Rural, por exemplo, os temas mais urgentes a serem tratados, segundo as Regionais, são hipertensão, DST, Aids e hepatites virais,  já para os homens os temas são drogas e alcoolismo. Na adolescência a questão é a gravidez precoce e também as drogas. Nós da Administração Central em conjunto com as Administrações Regionais planejaremos como abordar esses temas, no intuito de levar à população rural conhecimento e, por consequência, a melhoria da qualidade de vida.”

Parcerias – Para realizar as ações de promoção social o SENAR conta com diversos parceiros que vão desde o local para realização das atividades aos médicos que prestam os atendimentos. Um desses parceiros é o Instituto Lado a Lado pela Vida que promove as campanhas Setembro Vermelho (cuidados com o coração), Outubro Rosa (Câncer do colo de útero) e Novembro Azul (Câncer de Pênis e de Próstata). Este ano a parceria conta com um diferencial: a produção de material didático. “Eles são nossos principais fornecedores de material didático, têm uma equipe científica brilhante e nos proporcionam reproduzir o material deles para o nosso público. Hoje contamos com quatro cartilhas excelentes que são Câncer de pele e melanoma, Cuidados com o Coração, Câncer de Próstata e Incontinência urinária”, acrescenta Deimiluce Fontes.

O Encontro Promoção Social para Saúde Preventiva acontece na sede do Sistema CNA/SENAR, em Brasília.

Assessoria de Comunicação do SENAR

(61) 2109-4128

www.senar.org.br

www.twitter.com/SENARBrasil

www.facebook.com/SENARBrasil

www.canaldoprodutor.tv.br