17 de agosto de 2016

SENAR e Embrapa capacitam técnicos para atuar no PRADAM


Ascom Senar

Grupo participa do segundo módulo do treinamento até o dia 25 de agosto

Os técnicos de assistência técnica que atuarão na aplicação das tecnologias de produção sustentável difundidas pelo Projeto de Recuperação de Áreas Degradadas na Amazônia (PRADAM) estarão prontos para atender os produtores rurais do bioma amazônico no final deste mês. Desde esta segunda-feira (15/8), um grupo formado por 37 profissionais dos seis estados que integram a iniciativa – Acre, Amazonas, Mato Grosso, Maranhão, Pará e Rondônia – estão participando do segundo módulo da capacitação prevista.

O treinamento acontece na sede da Embrapa Agrossilvipastoril, em Sinop (MT), e tem como foco a parte tecnológica do projeto. Antes, no período de 11 a 21 de julho, os mesmos técnicos haviam participado do módulo metodológico e gerencial, coordenado pelo SENAR.  Ao todo, a programação prevê uma carga horária de 160 horas/aula. O PRADAM é uma parceria entre o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR Brasil), a Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO), o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e a Embrapa.

Nessa etapa, estão previstas inúmeras palestras com pesquisadores da Embrapa sobre as quatro tecnologias disseminadas pelo projeto: Recuperação de Pastagens Degradadas, Integração Lavoura-Pecuária-Floresta (iLPF), Sistema Plantio Direto (SPD), Florestas Plantadas e Sistemas Agroflorestais (SAFs). Um dos destaques das atividades será um Dia de Campo, no dia 23/8, onde os participantes poderão conhecer áreas experimentais com as práticas aplicadas.

De acordo com a assessora técnica do Departamento de Educação Profissional e Promoção Social (DEPPS) do SENAR, Leilane Lopes Oliveira, que está acompanhando a capacitação, o segundo módulo complementa o conteúdo gerencial abordado anteriormente com um enfoque direcionado para o dia-a-dia dos técnicos de campo. “Eles estão elogiando muito, pois essa etapa fala da rotina deles como prestadores de assistência técnica. Dizem que o treinamento é de uma riqueza extraordinária e que eles poderão aproveitar muito o que estão aprendendo aqui lá fora”, observa.

A opinião é reforçada pelo participante Carlos Modestino Cavalcante da Silva, do Amazonas. “Está sendo muito proveitoso, principalmente para nós do Amazonas, que ficamos distantes dos grandes centros e das informações reais. As palestras são importantíssimas para a nossa região amazônica e tenho certeza que vamos colocar em prática no nosso retorno”, declara ele.

A partir desta quarta-feira (17/8), no município de Juara, também começa uma série de quatro seminários do PRADAM no estado. Os outros três acontecerão em Gaúcha do Norte (18/8), Confresa (20/8) e São Félix do Araguaia (22/8). Em Rondônia, ocorrerá um seminário no município de Vilhena (19/8) e um Dia de Campo, em Porto Velho (25 e 26/8).

 

Assessoria de Comunicação do SENAR

(61) 2109-4141

www.senar.org.br

www.facebook.com.br/SENARBrasil

www.twitter.com/SENARBrasil